Home / Ficção / Editando a Estrutura das Cenas

Editando a Estrutura das Cenas

Após fazer uma revisão mais geral do seu texto, é hora de focar nas cenas individualmente. Há basicamente três tipos de atitudes que você pode ter com cada cena: consertar, apagar, ou deixar como está.
– Se a estrutura da cena funciona você não mexe mais com ela (com relação a estrutura).
– Se a estrutura não funciona, mas pode ser arrumada, você revisa.
– Se a estrutura não funciona nem vai funcionar de jeito nenhum, você apaga.


Algumas perguntas que você pode fazer para saber se a estrutura da sua cena funciona são:
– O seu personagem POV se aproximou mais do seu objetivo nessa cena ou se afastou mais?
– O seu personagem POV está em uma situação melhor ou pior que quando a cena começou?
– Se você estivesse lendo a história pela primeira vez, você se sentiria compelido a virar a página para saber o que vai acontecer?
Se você responder sim para uma dessas perguntas sua cena tem razão de ser. Se responder sim as três melhor ainda.


Se a cena não estiver funcionando, o mais provável que ela tenha um dos seguintes problemas:
– Não é uma cena proativa nem reativa.
– É uma cena proativa, mas faltam elementos (objetivo, conflito, revés).
– É uma cena reativa, mas faltam elementos (reação, dilema ou decisão).


Corrigindo as cenas
Verifique alguns pontos para ajudar a decidir se a cena pode ser corrigida ou se é melhor descartar.
O que mudou na cena? Não há muito sentido em fazer uma cena na qual no final tudo esteja exatamente igual no começo. Você realmente precisa de uma cena apenas para passar informações? Se você não puder colocar nenhuma mudança durante a cena talvez ela não devesse estar na história.
A cena fornece alguma informação nova para os personagens, ou apenas para os leitores? Se for apenas para o leitor, pense em uma forma de fazer com que essas informações façam alguma diferença para os personagens também.
A cena não termina nem com um revés nem com uma decisão? Isso pode ser o que está fazendo você estranhar a cena. Ela está fora do padrão da maior parte das cenas encontradas nos livros. Tente adicionar o que está faltando.


Consertando cenas proativas
Algumas dicas exclusivas para cenas proativas.
– Você definiu claramente um objetivo no inicio da sua cena?
– A maior parte da cena se direciona para o personagem conquistar esse objetivo?
– Sua cena termina com um revés forte?


Consertando cenas reativas
– A cena começou com uma reação apropriada ao revés da cena anterior?
– Você levou o personagem a um dilema que o deixa sem nenhuma opção realmente boa?
– Seu personagem chegou a uma decisão no final?


Se, após fazer essas perguntas, você perceber que a estrutura da sua cena não tem solução, não sinta pena de descarta-la. Seu romance ficará melhor sem ela.
No próximo post veremos como editar as cenas com relação ao conteúdo.

Compartilhe!
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Sobre Carolina

Carolina
Apaixonada por livros, estudante de Letras e escritora em treinamento.

Check Also

Little-Men-Tommy-Banks-768x509

8 dicas para escrever personagens crianças

Com sua mistura fascinante de inocência, estado de alerta, egoísmo, e idealismo, personagens infantis pode ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Menu Title