Home / Ficção / Tendo Ideias – parte 3

Tendo Ideias – parte 3

Preveja uma tendência
Romances podem ser quentes só por causa do assunto. Se você conseguir pegar uma grande onda chegando, você pode ser o campeão.
O truque é prever o que vai ocupar o imaginário popular. Você pode fazer isso?
A melhor fonte são revistas especializadas. Elas podem abrir uma janela para as áreas de interesse imediatas e a longo prazo das pessoas.
Vá a uma livraria que permita que folheie livremente e olhe as revistas científicas e de tecnologia. Faça algumas perguntas:
– Quem se importa com isso?
– O que essas pessoas farão no próximo ano? E daqui 10 anos?
– O que aconteceria se toda a sociedade adotasse isso? Ou se toda sociedade rejeitasse isso?


Olhando o jornal
Leia jornais. Examine todas as seções. Uma edição pode te dar dezenas de possibilidades para histórias. Se algum item tiver informações que você pode precisar depois, guarde-a


Pesquisa
Pesquise sobre coisas do seu interesse. Se puder viaje para lugares diferentes. Você pode ler entrevistas com especialistas ou ir a algum lugar conversar com as pessoas.
Escolha um livro de não ficção sobre algum assunto sobre o qual você sempre quis saber. Folhei o livro. Anote as ideia que tiver. Leia o livro. Anote mais ideias e atualize as anteriores.


“Eu realmente quero escreve sobre…”
Tende esse exercício de manhã, logo que acordar, quando seu subconsciente ainda estiver próximo do consciente. Ele terá coisa a lhe dizer. Faça essa pergunta para si mesmo e então anote. Escreva por uns 10 minutos, sem parar. Siga os pensamentos que aparecerem, expandindo-os, pulando para outros. Siga seu fluxo de consciência.


Obsessão
Uma Obsessão controla as emoções mais profundas de um personagem. Ela o impulsiona.
Pode ser ego, aparência, luxúria, carreira, inimigos, sucesso.
Várias histórias famosas só aconteceram devido a obsessão de seus personagens: a obsessão de Javert em Os Miseráveis por seguir seu dever, a de Ahab em Moby Dick pela baleia, a obsessão de Dorian Gray por sua juventude, ou a de Scarlet em E o Vento Levou por Ashley.
Crie um personagem, dê a ele uma obsessão e veja o que acontece.

Compartilhe!
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Sobre Carolina

Carolina
Apaixonada por livros, estudante de Letras e escritora em treinamento.

Check Also

Little-Men-Tommy-Banks-768x509

8 dicas para escrever personagens crianças

Com sua mistura fascinante de inocência, estado de alerta, egoísmo, e idealismo, personagens infantis pode ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Menu Title